Banner férias

O Instituto Jesus Maria José foi fundado por Madre Rita Amada de Jesus, uma jovem portuguesa muito corajosa e de uma fé inabalável em Deus. Desde muito cedo, manifestou um grande zelo pela glória de Deus e salvação do próximo.

Em 1880, aos 32 anos, Madre Rita fundou o primeiro colégio Jesus Maria José, na cidade de Gumiei – Portugal. Foi com muito esforço, dedicação e ajuda dos amigos que ela conseguiu iniciar essa obra. O seu trabalho junto às crianças, jovens e às famílias mais necessitadas era muito admirado por todos e o seu exemplo passou a ser seguido por outras jovens que simpatizavam com Madre Rita, surgindo assim, a congregação das Irmãs Jesus Maria José.

O Instituto se expandiu rapidamente e foi acolhido pela Igreja, que em 1910, recebeu do Papa Leão XIII a aprovação canônica.

Em 1912, houve uma perseguição religiosa em Portugal e todas as congregações religiosas foram obrigadas a fecharem as suas casas. Madre Rita não querendo ver acabada esta obra iniciada com tanto sacrifício, resolveu enviar algumas irmãs para ao Brasil, para que aqui pudessem continuar anunciando o Reino de Deus e procurando aproximar mais as pessoas de Deus. As primeiras irmãs que vieram para o Brasil estabeleceram-se na cidade de Igarapava-SP. A partir daí, o Instituto começou a expandir-se para outras regiões do Brasil e inclusive a outros países.

Hoje, com a graça de Deus e suas copiosas bênçãos, o Instituto se encontra em Portugal, Brasil, Bolívia, Paraguai, Angola, Moçambique, Peru e Cabo Verde. No Brasil, temos colégios e casas de pastoral nas seguintes cidades: São Paulo, Franca, São Simão, Batatais Igarapava e Aparecida, Iturama, Uberaba, Poços de Caldas, Taguatinga –DF, Goiânia, São Miguel do Araguaia, Porangatu, Ibiapina, Palmeiras das Missões, Passo Fundo, Trindade do Sul, São Miguel do Oeste, Canarana e Água Boa. São diversos lugares e variados tipos de trabalhos, em colégios, creches, educandários e nas diferentes pastorais paroquiais, onde as irmãs do Instituto Jesus Maria José se fazem presente levando o Evangelho da conversão e a espiritualidade da família de Nazaré.


Rita  Amada de Jesus

Rita Lopes de Almeida (nome religioso: Madre Rita Amada de Jesus), nasceu em Casalmendinho, Freguesia de Ribafeita, Viseu – Portugal no dia 05 de Março de 1848, de família nobre, honesta e profundamente cristã.

Desde muito cedo, manifestava um grande zelo pela glória de Deus e a salvação do próximo. Uma jovem corajosa e de uma fé inabalável. Então, a fim de realizar o seu ideal, movida pela ação do Espírito Santo deu início ao Instituto Jesus Maria José, em Portugal, no dia 24 de Setembro em 1880.

Tão rapidamente se expandiu e foi acolhida pela Igreja, que em 1902, o Papa Leão XIII lhe deu aprovação canônica. Perseguidos e dispersados os seus membros em 1910, com a implantação da República em Portugal o Instituto tinha feito cinco fundações.

Dois anos após a Revolução de 1910, Madre Rita enviou para o Brasil algumas irmãs que se fixaram em Igarapava – São Paulo, onde o Instituto continuou a desenvolver-se. Hoje, conta com uma larga implantação no trabalho da Educação, Assistência e Evangelização.

Em 1934, querendo fazer ressurgir o Instituto em Portugal, regressaram algumas Irmãs, criando novas comunidades. Atualmente estão presente em Portugal, origem da Fundação, Angola, Moçambique, Bolívia, Paraguai, Peru e aqui no Brasil em diversos estados.

Mulher de amor singular à Juventude, adolescentes, crianças e família, Madre Rita distinguia-se por uma confiança inabalável no Senhor, a ponto de permanecer calma e serena, mesmo quando lhe faltavam os meios mais necessários, não só a própria vida como à das Irmãs em ideal. Dotada de grande generosidade e de vontade corajosa, nunca deixou de socorrer o próximo, ainda que tivesse de arriscar a própria vida, por isso dizia: 
“Se preciso fosse percorreria o mundo inteiro para salvar uma só alma!”.

Rita Amada de Jesus, quando enviava um novo grupo de Irmãs para o Brasil, foi receber no céu a recompensa pela sua fidelidade e doação a Jesus Cristo e à Igreja. Faleceu santamente na sua terra Natal, a 06 de Janeiro de 1913, rodeada de algumas Irmãs Religiosas.

A vida de Madre Rita Amada de Jesus é um livro aberto. Ela foi e continua a ser, presença viva de entrega e disponibilidade à vontade de Deus.

Com espírito alegre, simples, mas repleto de audácia consegue mais tarde concretizar o seu sonho de criança fundar um colégio, este com uma índole muito própria viver a escola de Nazaré, a exemplo de Jesus Maria José, numa vida escondida com Cristo em Deus, onde colhe a lição de trabalho, de silêncio, de pobreza, de família, de humildade e simplicidade.

Este mesmo espírito o semeou nas almas de suas seguidoras que ao longo dos anos tem vencido as dificuldades em caminhar ao encontro daquele que será tudo em todos. A Família de Nazaré é a fonte de espiritualidade do Instituto, a rocha firme sobre a qual a obra de nossa fundadora foi constiuída, sendo esta a motivação que contagia e sustenta a obra.

No dia 28 de Maio de 2006, na Sé de Viseu em Portugal, é proclamada beata a Serva de Deus, Irmã Rita Amada de Jesus. Esta beatificação é o coroamento de um longo processo iniciado em 1991, pelo bispo Dom Antônio Monteiro, sendo o postulador da sua causa Dom José Pedro da Silva, bispo emérito de Viseu – Portugal. Representa 14 anos de caminhada, de investigação, de escuta das testemunhas, de ponderação dos exemplos e das palavras de Madre Rita para chegar à proclamação da heroicidade das suas virtudes, em 20 de Dezembro de 2003, por João Paulo II e, depois, à aprovação do milagre para a beatificação, a saber “a cura rápida, perfeita e estável” de uma senhora atingida por doença mortal, acontecido no Brasil, na cidade de Franca – SP em 1989, por intercessão de Madre Rita.

Que Deus abençoe a todos nós, membros da família Jesus Maria José, irmãs, amigos e colaboradores, que possamos rezar e buscar, também, a nossa santidade no dia-a-dia nas pequenas coisas que realizamos.